O pau que dá em chico dá em Francisco...

OS TRABALHADORES QUEREM!!

A campanha salarial deste ano (2010) deverá tomar rumos diferentes das anteriores já que a um descontentamento geral dos trabalhadores com as decisões que vem sendo tomadas nas negociações anteriores, já que as perdas dos salários que vem se acumulando há vários anos tudo indica que o trabalhador irá por um ponto final nos abusos dos empresários e do poder público até porque São Paulo sempre foi referência para o País.

O QUE OS TRABALHADORES QUEREM!

Os trabalhadores exigem o fim imediato dos Genéricos; Reajuste dos salários de acordo com a inflação do período (maio/2009 a abril/2010); Reposição das perdas salarial dos anos anteriores, mais 5% do aumento real; E que os tickets possam ter o aumento equivalente ao da SPtrans; Implantar um Plano de Cargos e salários no Setor de Manutenção; Fim das Multas do Resam o mais rápido possível; Renovar as cláusulas sobre Saúde e Segurança no trabalho, Construção de banheiros para o uso dos trabalhadores nas linhas e manter todas as conquistas já adquiridas. Manutenção do Sistema Tróleibus; Subsídios do Convênio Médico; Construção de mais corredores de ônibus; redução da jornada de trabalho para 36 horas semanais, direito a gratuidade no metrô já que muitos trabalhadores moram longe e tem que tirar do seu bolso para pagar e a (PLR) participação dos lucros e resultados. As reivindicações deverão ser encaminhadas aos dois setores (poder público, e empresarial) e deverão ser discutidas e negociadas em conjunto. Os trabalhadores já estão decididos a participar em MASSA na assembléia da categoria.

E que DEUS possa estar sempre em nossos corações e iluminando nossos representantes.

Marcos Antonio (Jornalista On-line) E-mail : macg.psb@bol.com.br
 

Onde está a PLR? o gato comeu e o trabalhador não viu!

Em visita a vários pontos e terminais de ônibus na companhia de José Max e João Duarte (Macarrão) neste mês (fevereiro/2010) revi muitos amigos, antigos colegas, e constatei que as condições de trabalho estão bem piores agora. Jornada de trabalho massacrante, trânsito cada dia mais estressante e salários completamente defasados, e a queixa geral: ”tiraram da gente até a PLR que era um pequeno valor de ajuda nas despesas acumuladas durante o ano”. Ainda não há banheiros nos pontos de ônibus para os funcionários. Observei que há muita gente nova, que já me conhecia por comentários dos mais antigos que viveram comigo as lutas e as conquistas e a insatisfação já no início dessa carreira pelas péssimas condições de trabalho, descaso daqueles que deveriam ser os porta-vozes junto aos “patrões” solucionando os problemas.

Eu também me pergunto há meses – qual destino os empresários deram à PLR?

A explicação de que nos anos anteriores não houve apuração de lucro nas empresas é balela, exemplo: de onde vem a renovação de parte da frota sem uma contrapartida de benfeitorias mínimas aos que labutam? Senão vejamos a recente ocorrência do funcionário que foi atropelado dentro da própria empresa por falta de simples iluminação e sinalização adequada em uma garagem da zona sul. E ainda não posso me esquecer do “carro genérico” fonte de lucros garantidos para o patrão! Não, não! Nem vou falar do famigerado, o tal “fominha”... Já percebeu ou não as altas fontes de lucro que o patrão teima em dizer que não houve? Finalizando: hoje o patrão nem recebe à vista recebe antecipado à tarifa uma das mais caras do país.

Marcos Antonio (Jornalista On-line) E-mail: macg.psb@bol.com.br


Montagens de palanques estaduais no PMDB estão complicadas


No PMDB já existem dissidências diante do comando nacional que fazem prever dificuldades na montagem de palanques estaduais, na campanha presidencial. Mas no resto do país existem, em outras agremiações, pequenas divergências envolvendo, não raro, descontentamentos decorrentes de reivindicações ou disputas de comando. Trata-se de um jogo político que vai exigir sensibilidade e negociação e, em alguns estados, dois palanques para um mesmo candidato. Este é o quadro do momento, que tende a repetir-se.
Na Bahia, como em outros estados, os problemas já estão identificados. As lideranças do governo em geral têm cacife maior para atrair apoios de indecisos. Mas o caso do PMDB paulista é emblemático, liderado por um dirigente forte, Orestes Quércia, integrado na corrente que diverge da direção nacional de Michel Temer.
Os meses que ainda separam da fase mais movimentada da campanha podem mudar algumas posições, mas as principais lideranças da oposição e do governo já admitem como desafiante a existência do problema envolvendo o palanque. E por isso incluem negociações para mudar alguns cenários. Em outras agremiações não é diferente o cesto de gatos é idêntico só mudam os endereços.

Marcos Antonio (Jornalista On-line) E-mail : macg.psb@bol.com.br



Festa do PT custará R$ 6,5 mi

Congresso do PT em Brasília vai homologar candidatura da ministra à Presidência

O 4º Congresso do PT em Brasília, deve bater o martelo sobre a candidatura da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, vai custar R$ 6,5 milhões ao partido. O tesoureiro do partido, Paulo Ferreira, disse ao R7 que o gasto, o maior dos últimos anos, inclui despesas com passagens, hospedagens, alimentação e transporte dos mais de 1.400 delegados que foram eleitos em novembro do ano passado e tomarão posse no evento.

- Este vai ser o congresso mais caro por conta do número de delegados eleitos. Nos últimos, não chegou a mil [o número], eram por volta de 900.

Ferreira disse que o valor da festa será financiado em torno de 60% com recursos do diretório nacional e os outros 40% serão rateados pelos diretórios estaduais, por meio das contribuições individuais dos filiados que votaram na eleição interna em 2009. Os maiores gastos ficarão por conta das passagens, orçadas em R$ 1,7 milhão, e as hospedagens, que devem girar em torno de R$ 2,6 milhões. O aluguel do centro de convenções Ulysses Guimarães foi contratado no ano passado e custou quase R$ 500 mil. - Nós fizemos um planejamento que um evento deste tamanho precisa ser organizado com antecedência. O espaço Ulysses Guimarães, por exemplo, foi contratado em março [de 2009] e custou R$ 470 mil. Já está pago.

Mais R$ 500 mil estão reservados para impressão do material com as resoluções gerais que o partido vai distribuir durante o evento: a conjuntura nacional e internacional, tática , candidaturas para as eleições 2010 e o futuro do PT.

Durante o evento também será realizada a posse dos novos dirigentes nacionais do PT, como o presidente eleito do partido, o ex-senador José Eduardo Dutra.

Marcos Antonio (Jornalista on-line) E-mail: macg.psb@bol.com.br

Elton John diz que Jesus era um "gay superinteligente"

O cantor britânico Elton John, 62, deu uma entrevista a revista norte-americana "Parade" na qual declarou que Jesus era gay. A entrevista ganhou destaque no tabloide inglês "The Sun".
"Acho que Jesus tinha muita compaixão, era um homem gay superinteligente, que entendeu os problemas da humanidade", disse.
"Jesus queria que nós amássemos e perdoássemos. Não sei o que faz as pessoas serem tão cruéis. Tente ser uma lésbica no Oriente Médio --é melhor estar morto."
Na mesma entrevista, ele comenta como conheceu o companheiro, David Furnish, 47. "Senti atração imediata por David. Ele estava muito bem vestido, era muito tímido. Na noite seguinte, nós jantamos. Depois disso, nos apaixonamos muito rápido."

Será que ele acredita mesmo nisso ou quer criar polemica e aparecer na mídia?
Vamos lá saber o que se passa na cabeça do ser humano!!
Eu, particularmente não acredito nessa história..., e  voce o que acha?
Deixe seu comentário.

Marcos Antonio (Jornalista on-line) E-mail: macg.psb@bol.com.br 


Greves!! festival de greves em todo País

Centrais vão manter mobilização pelas 40 horas após o Carnaval


As Centrais Sindicais vão começar a promover manifestações pelas 40 horas logo após o Carnaval, independentemente das ações conjuntas que serão definidas na reunião marcada para o dia 1º de março, em São Paulo. O objetivo é manter a mobilização na base – por meio de ações dos Sindicatos nos locais de trabalho e manifestações em locais onde há grande fluxo de pessoas.
Na última quarta-feira (10), a executiva nacional da CUT decidiu promover um Dia Nacional de Luta, com paralisações, atrasos de turnos e mobilizações de rua, para intensificar a pressão no Congresso Nacional e sobre o empresariado pela aprovação da proposta de emenda à Constituição que reduz a jornada de trabalho para 40 horas semanais, sem redução de salários e com adicional de 75% sobre as horas extras.
Segundo a direção da Central, os protestos deverão acontecer no mês de maio, após articulação de datas com as Confederações, Federações e Sindicatos filiados. A CUT também vai manter o diálogo com os parlamentares em Brasília e também nos Estados.
Greves - O presidente da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva (Paulinho), afirmou na quarta que após o Carnaval haverá “um festival de greves em todo País” para reivindicar a redução da jornada. Paulinho informou que a sugestão de Temer previa ainda uma compensação fiscal ao empresariado.

A Força também informou que está fazendo uma consulta com as entidades filiadas sobre a proposta apresentada pelo presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer (PMDB-SP), sobre a possibilidade de redução da jornada para 42 horas, para saber sobre a viabilidade da proposta na sua base.

Dieese - Após as manifestações desta semana na Câmara dos Deputados, o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) divulgou à imprensa uma nota técnica com o objetivo de mostrar aos parlamentares à sociedade a importância da redução da jornada de trabalho para os trabalhadores e para o País.

Perolas ENEM 2009

Putz! A qualidade da educação não vai nada bem! rs
O tema da redação do Enem 2009 foi Aquecimento Global, e como acontece todo ano, não faltaram preciosidades. Lá vão:

1) "o problema da amazônia tem uma  percussão mundial. Várias Ongs já se estalaram na  floresta." (percussão e estalos. Vai ficar animado o negócio)

 2) "A amazônia é explorada de forma piedosa." (boa)

 3) "Vamos nos unir juntos de mãos dadas para salvar planeta." (tamo junto nessa, companheiro. Mais juntos, impossível)

4) "A floresta tá ali paradinha no lugar dela e vem o homem e créu." (e na velocidade 5!)

5) "Tem que destruir os destruidores por que o destruimento salva a floresta." (pra deixar bem claro o tamanho da destruição)

6) "O grande excesso de desmatamento exagerado é a causa da devastação." (pleonasmo é a lei)

7) "Espero que o desmatamento seja instinto." (selvagem)
 
8)"A floresta está cheia de animais já extintos. Tem
que parar de desmatar para que os animais que estão
extintos possam se reproduzirem e aumentarem seu número
respirando um ar mais limpo." (o verdadeiro milagre da vida)

9) "A emoção de poluentes atmosféricos aquece a floresta." (também fiquei emocionado com essa)

10) "Tem empresas que contribui para a realização de
 árvores renováveis." (todo mundo na vida tem que ter um filho, escrever um livro, e realizar uma árvore renovável)

11) "Animais ficam sem comida e sem dormida por causa das queimadas." (esqueceu  que também ficam sem o home theater e os dvd's da coleção do Chaves)

12) "Precisamos de oxigênio para nossa vida eterna." (amém)

13) "Os desmatadores cortam árvores naturais da natureza." (e as renováveis?)

14) "A principal vítima do desmatamento é a vida ecológica." (deve ser culpa da morte ecológica)

15) "A amazônia tem valor ambiental ilastimável." (ignore, por favor)

16) "Explorar sem atingir árvores sedentárias." (peguem só as que estiverem fazendo caminhadas e flexões)

17) "Os estrangeiros já demonstraram diversas fezes enteresse pela amazônia." (o quê?)

18) "Paremos e reflitemos." (beleza)

19) "A floresta amazônica não pode ser destruída por pessoas não autorizadas. "  (onde está o Guarda Belo nessas horas?)

20) "Retirada claudestina de árvores." (caráulio)

21) "Temos que criar leis legais contra isso." (bacana)

22) "A camada de ozonel." (Chris O'Zonnell?)

23) "a amazônia está sendo devastada por pessoas que não tem senso de humor." (a solução é colocar lá o pessoal da Zorra Total pra cortar árvores)

24) "A cada hora, muitas árvores são derrubadas por mãos poluídas sem coração.."  (para > fabricar o papel que ele fica escrevendo asneiras)

25) "A amazônia está sofrendo um grande, enorme e profundíssimo desmatamento devastador, intenso e imperdoável." (campeão da categoria "maior enchedor de lingüiça")

26) "Vamos gritar não à devastação e sim à reflorestação. " (NÃO!)

27) "Uma vez que se paga uma punição xis, se ganha depois vários xises."
(gênio da matemática)

28) "A natureza está cobrando uma atitude mais energética dos governantes. " (red bull neles - dizem as árvores)

29) "O povo amazônico está sendo usado como bote expiatório" (ótima)

30) "O aumento da temperatura na terra está cada vez mais aumentando." (subindo!)

31) "Na floresta amazônica tem muitos animais: passarinhos, leões, ursos, etc."  (deve ser a globalização)

32) "Convivemos com a merchendagem e a politicagem. " (gzus)

33) "Na cama dos deputados foram votadas muitas leis." (imaginem  as que foram votadas no banheiro deles)

34) "Os dismatamentos é a fonte de inlegalidade e distruição da froresta azonia."  (oh god)

35) "O que vamos deixar para nossos antecedentes? " (dicionários)

Marcos Antonio (Jornalista on-line) E-mail : macg.psb@bol.com.br 


Relaxar os pés traz alívio para o corpo todo



O escalda-pés é um santo remédio para recuperar as energias e combater o cansaço.

A técnica é simples: basta mergulhar os pés em uma bacia com água quente para relaxar os músculos de forma tão eficaz quanto um calmante. Isso graças ao calor da água, que dilata os vasos sanguíneos, ativa a circulação, esquenta todo o corpo e dá uma agradável sensação de bem-estar. Escolha sua receita e permita-se aproveitar esse pequeno deleite.

Para relaxar os pés cansados
“Em uma bacia com água morna, ponha cinco gotas de óleo essencial de lavanda e duas de alecrim. Mergulhe os pés por 15 minutos e, em seguida, enxágüe-os com água fria”, ensina a terapeuta holística Elisabeth Cavalcante.

Para sumir com a dor de cabeça
Durante 15 minutos, deixe os pés em imersão o mais quente que suportar. Ao mesmo tempo, embeba uma toalha em água gelada, torça-a e coloque-a sobre a testa, a nuca ou onde estiver a dor.

Para aumentar o pique e a energia
Acrescente 15 gotas de óleo essencial de hortelã-pimenta numa bacia com dois litros de água quente. Deixe seus pés de molho por cerca de 20 minutos. Mas atenção: por ser estimulante, esse escalda-pés não deve ser feito antes de dormir.

Para acabar com a micose
Despeje meio litro de água fervente sobre flores secas de calêndula. Coe, despeje numa bacia e ponha 60 ml de vinagre de maçã. Faça todos os dias por 20 minutos.

Para diminuir a transpiração
Ponha três gotas de óleo essencial de cipreste numa bacia com meio litro de água morna. Deixe os pés de molho por 20 minutos.

Para aliviar o inchaço nas pernas
Dilua na água duas tampinhas de álcool e duas de sal grosso. Deixe os pés de molho por 20 minutos e enxágüe bem.

Para evitar varizes
Encha dois baldes — um com água fria, outro com água quente. Mergulhe os pés primeiro na água fria, por um minuto, depois na quente, por cinco minutos. Repita o processo durante 15 minutos, terminando na água fria.

Para um escalda-pés ainda mais gostoso
Faça antes de dormir
Ponha uma música bem relaxante
Coloque pedrinhas ou bolinhas de gude na bacia e pressione-as contra os pés.
Você que enfrenta uma jornada de trabalho com transporte coletivo urbano e rodoviario deve aproveitar desses deleites.

Marcos Antonio (Jornalista On-line) E-mail: macg.psb@bol.com.br


“Chapéu de Bico” A Dura Vida dos Cobradores e Motoristas

A Dura Vida dos Cobradores e Motoristas de ônibus do Estado de São Paulo


A vida dos Cobradores e Motoristas de Ônibus em São Paulo não é nada fácil. Conhecidos como “Chapéu de Bico”, estes profissionais não contam com o respeito dos seus patrões, que os exploram constantemente, obrigando-os a fazer longas horas de trabalho, no chamado “carro-direto.” Geralmente no carro-direto, os funcionários costumam trabalhar mais de 18 horas por dia, pois fazem dois períodos de trabalho. Como estas horas excedentes não são lançadas na sua ficha de trabalho e os funcionários recebem por fora, no chamado caixa dois, conhecido entre eles como “fominha”, fica cada vez mais difícil provar na justiça o trabalho escravo ao qual são submetidos. É claro que muitos funcionários precisam e por isso se submetem, mas esta atitude vem causando grandes problemas na cidade de São Paulo, prova disso são os diversos acidentes com ônibus acontecidos nos últimos tempos.

Além deste trabalho ilegal, cobradores e motoristas vivem numa situação precária de higiene e exposição a diversas situações que põem suas vidas em riscos: os pontos finais de ônibus não possuem banheiros e eles são obrigados a usarem sanitários sujos nos bares, quando existem. Cobradores e cobradoras usam os mesmos banheiros e muitas vezes nas viagens longas, que geralmente em tempos de congestionamentos chegam a durar mais de três horas, são pressionados por alguns fiscais da empresa a não abandonar o veículo para irem ao banheiro.

Os pontos finais de ônibus muitas vezes não possuem locais adequados para os funcionários se alimentarem e os poucos lugares que têm, muitas vezes não recebem o vale refeição dado pela empresa, razão pela qual, dentre outras, faz com que os motoristas vendam o seu vale refeição para a própria empresa, que compra descontando 15% do valor real do vale.

O assalto é outra questão assustadora, que não mudou com a chegada do bilhete único, pois os assaltantes não acreditam que o cobrador não tenha dinheiro e os agridem. Os cobradores ficam constantemente na mira de revólveres, facas, navalhas e outras espécies de torturas psicológicas e ainda são obrigados pela empresa a trazer duas testemunhas para comprovar o assalto, o que poucas vezes acontece, pois os passageiros ficam com receio de se envolver com a polícia. Embora tenham seguros, as empresas muitas vezes cobram dos funcionários o valor roubado. Muitas vezes também, de acordo com o valor roubado, estas empresas não permitem que o funcionário abra um boletim de ocorrência para não perderem a partida e os cobradores acabam cedendo com medo de represálias por parte de seus superiores. Com problemas psicológicos advindo das humilhações sofridas na empresa, estes funcionários têm dificuldade de ir ao psicólogo, pois o convênio médico demora até dois meses para atendê-los e quando conseguem passar na especialidade médica, recusa-se a pedir afastamento, pois sabe que vai passar meses sem receber do INSS e não conseguirão manter suas famílias nem comprar os próprios remédios.

Os cobradores e motoristas que tentam ir contra a vontade dos patrões, ou entram na justiça, são perseguidos, transferidos para outras empresas mais longe de suas residências, são jogados nos últimos horários da empresa, dormindo na rua sem condução para chegar a casa.

Além de todas estas atrocidades, a empresa muda de razão social constantemente, obriga os funcionários a fazerem acordo, não deposita FGTS, mandam o cobrador fazer trabalho de fiscais e não os remuneram de acordo com o cargo exercido. Muitas vezes obriga os cobradores a vestirem coletes laranja e ficarem nos pontos nas ruas de São Paulo, fiscalizando, fazendo uma função que não é dele e não sendo remunerado por isso. E por falar em colete, os cobradores também são obrigados a usarem os uniformes com logotipos de outras empresas na manga da camisa. É mais uma forma da empresa economizar com propagandas. E não pára por aí. Os carros saem sujos da garagem, os cobradores são obrigados a varrê-los quando chegam ao ponto final, que muitas vezes não tem vassoura, pás, lixeiras, produtos de higiene, obrigando o funcionário a catar o lixo com a própria mão e expondo-os a ter contato com todo tipo de micróbios.

Com tudo isso, o trabalho do cobrador não é considerado insalubre. Pesquisas recentes informaram que a poluição está causando grandes doenças como infertilidade nos homens e os cobradores engolem fumaça em 18 horas de trabalho, sem falar nos micróbios constantes no dinheiro que passam de mão em mão! Mesmo assim, os cobradores e motoristas são profissionais que passam despercebidos aos olhos dos órgãos de defesa do trabalhador, mas todos os transtornos psicológicos são vistos pelos passageiros, que esperam horas nos pontos e encontram motoristas e cobradores sempre estressados, dormindo na catraca, pelas longas horas, que são forçados a fazerem e as torturas psicológicas sofridas dentro e fora das empresas.

macg.psb@bol.com.br

"MOTORISTAS E COBRADORES ABREM O BICO”

A empresa que tem a concessão de transporte coletivo no município de São Paulo: Gatusa apesar da grande dificuldade que os trabalhadores vêm enfrentando no dia a dia com os salários defasados,fornecem apenas 04 uniformes,(em outra empresa fornecem 06 e não é cobrado qualquer peça sobressalente)e na eventualidade do funcionário necessitar de mais alguma peça, por exemplo se ocorre um imprevisto de se rasgar, a peça deve ser paga do próprio bolso, isso tem deixado os funcionários da referida empresa indignados. O representante dos trabalhadores está completamente ausente,nessa e em outras ocorrências:

Um ciclista mandou um e-mail pra Gatusa informando que um motorista o fechou na Av: Joaquim Floriano entre às 09:00 hs e 09:30 hs da manhã, o mesmo não informou o prefixo do coletivo, a empresa verificou via GPS qual coletivo e constatou um veículo qualquer aplicando uma punição para o motorista, que sem direito de defesa, disse não ter cometido a infração, ou seja, qualquer pessoa pode mandar um e-mail pra Gatusa que eles verificam via GPS e dão gancho para o funcionário sem lhe dar o direito de se defender,disse o funcionário revoltado: “ ABSURDO!!, e o sindicato não fez nada, como sempre.”

“Um belo dia na sala de treinamento cheia de cobradores o Instrutor simplesmente chamou todos os cobradores de LIXO, e ninguém fez nada.”

Ocorrem outros fatos absurdos aos trabalhadores das empresas de ônibus : eles não tem sequer cinco minutos de intervalo entre uma viagem e outra de ir ao banheiro para suas necessidades fisiológicas:É UM TAL DE VIRA SECO DANADO.

“Imagina você se envolver em um acidente e o inspetor vai ao local e simplesmente te humilha na frente dos policiais e das outras pessoas envolvidas no acidente! Imagina você pagando pelo concerto do coletivo, pagando a hora trabalhada do mecânico, funileiro, eletricista, pagando as tintas que forem usadas!!!!!!! Isso tudo esta acontecendo na Gatusa e NINGUÉM FAZ NADA. Se agente não recebe a participação de lucro, por que nós participamos do prejuízo da empresa??????”

“Pra você ter idéia Marcos Antonio, o pessoal está tão descontente com a Gatusa que existe uma lista de mais de 200 funcionários que querem sair da empresa, e 99% deles são ótimos profissionais, até alguns funcionários membros do sindicato querem sair.”

Os relatos acima foram informados por trabalhadores cujas identidades serão preservadas para que não sofram qualquer tipo de perseguições ou retaliações.

Apelamos ao presidente do sindicato que confira pessoalmente esses fatos lamentáveis que vêm ocorrendo nessa empresa e tome as devidas providencias!!

Marcos Antonio (Jornalista On-line) E-mail: macg.psb@bol.com.br

Motorista enfrenta lentidão nas principais rodovias de SP na saída para o Carnaval

O movimento de veículos é intenso para quem viaja neste Carnaval pelas principais rodovias do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Paraná, segundo as polícias rodoviárias Federal e Estadual.


De acordo com informações da Polícia Rodoviária do Rio, por volta das 17h30 a rodovia RJ-104 apresentava tráfego intenso no entroncamento com a BR-101, na região de Manilha, no sentido região dos Lagos.

Na rodovia Rio-Santos, o fluxo de veículos também era grande, assim como na BR-101, no sentido de Angra dos Reis, mas não havia trechos de congestionamento, segundo PRF do Rio. No sentido do norte, em direção à região dos Lagos, o trânsito estava lento no horário das 17h30, do km 307 ao km 292.

Em Minas Gerais, a PRE informou que o único trecho que apresentava lentidão era na saída de Belo Horizonte, na rodovia BR-381, no sentido do litoral do Espírito Santo.

De acordo com informações da PRF do Paraná, a rodovia BR-376 estava com congestionamento na altura do município de São José dos Pinhais.

A Régis Bittencourt, no trecho de São Paulo, opera com apenas uma das três faixas liberadas devido a um deslizamento de terra ocorrido na última terça (9) e registra lentidão do km 546 ao km 552.
 
 
Já estamos fartos de saber que o trânsito em São Paulo é um caos. É merda pra cá, vaca pra lá, barbeiro, cachorro, cavalo….ou seja, uma verdadeira salada de animais e matéria orgânica em decomposição! Isto sem contar "carinhosos" adjetivos dirigidos às mães alheias!
 
 
 
Marcos Antonio (Jornalista On-line) E-mail macg.psb@bol.com.br

O "Chefão" da quadrilha continua preso na séde da PF em Brasilia

O governador afastado do Distrito Federal, José Roberto Arruda (sem partido, ex-DEM), passou a noite desta quinta(11) na sede da Polícia Federal. Ele dormiu em uma sala especial, sem grades.
A qualquer momento, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello pode anunciar a decisão sobre o pedido de habeas corpus. Se decidir pela liberdade, Arruda pode voltar ao cargo. No momento, o governo do DF é chefiado interinamente pelo vice, Paulo Octávio (DEM).
Um grupo de manifestantes contra o governador fez vigília no STF com luz de velas, pedindo que o habeas corpus não fosse concedido. A expectativa era que a decisão de Mello fosse divulgada ainda na noite desta quinta-feira (11), mas o ministro resolveu que não o faria ontem(11).
A decisão da Justiça de mandar prender Arruda irritou os advogados dele. A defesa argumenta que o governador não foi ouvido. “Não se faz processo criminal sem contraditório, salvo em estado que esteja no limite do fascismo e do nazismo. Isto é um estado de direito democrático. Essa prisão à margem das garantias da Constituição, na minha ótica, é uma prisão abusiva, ilegal e é, sobretudo, uma prisão desnecessária”, disse o advogado Nélio Machado.
Arruda enviou uma mensagem à Câmara Distrital se licenciando do cargo e escreveu uma carta aos amigos. Ele se diz vítima de uma “campanha difamatória” de níveis jamais vistos na vida pública brasileira. Afirma que vai contribuir com a elucidação dos fatos e fala em “armadilhas e golpes baixos” que, segundo ele, serão desmascarados. Em seguida, se entregou à Polícia Federal.
O relator do processo, ministro Fernando Gonçalves, disse à TV Globo que se surpreendeu com o que viu no inquérito da operação Caixa de Pandora.
O pedido de prisão foi baseado na suposta tentativa de suborno ao jornalista Edmilson Edson dos Santos, conhecido como Sombra. Por meio de um enviado, o governador teria proposto o pagamento de propina na tentativa de fazer com que Sombra mentisse em depoimento à Polícia Federal.

O decreto de prisão preventiva foi expedido após parecer da Procuradora-Geral da República. Por 12 votos a 2, os ministros da Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinaram a prisão do governador.

O STJ também decretou a prisão de mais envolvidos na suposta tentativa de suborno: Rodrigo Arantes, sobrinho e secretário do governador, que se entregou à PF na noite desta quinta(11), Welignton Moraes, ex-secretário de governo, o ex-deputado distrital Geraldo Naves (DEM), que agora é suplente, Haroaldo Brasil Carvalho, ex-diretor da Companhia Energética de Brasília (CEB), e Antonio Bento da Silva, que já está preso por causa da suposta tentativa de suborno.

Moraes, Carvalho e Naves disseram que se entregariam na noite de quinta, mas não o fizeram até agora.


Marcos Antonio (Jornalista On-line) E-mail:   macg.psb@bol.com.br

Assim não, Kassab!

Foto: Nelson Antoine/Fotoarena/Folhapress

Compreende-se que Washington Luiz, ou outro de sua estirpe, tenha pronunciado a frase infeliz: “Problema social é caso de polícia”.
O que não dá para tolerar é em pleno 2010 a Administração Pública chamar a PM para atuar durante protesto de moradores do Jardim Pantanal, infelicitados há meses pelas inundações – água suja, imundície, mau cheiro, doenças, prejuízos materiais etc.


O prefeito Gilberto Kassab perdeu o controle administrativo da cidade. E se não perdeu a educação está devendo um pedido de desculpas aos paulistanos, especialmente aos moradores das regiões alagadas


Fonte: Agência Sindical

CCJ do Senado aprova uso do FGTS por pai para ajudar filho a comprar imóvel

A CCJ (Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania) do Senado aprovou nesta quarta-feira um projeto de lei que prevê que um pai use o seu FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) para ajudar seus filhos a comprar um imóvel próprio.
De acordo com o projeto de lei, o filho beneficiado pelo FGTS do pai deve ter mais de 21 anos, ser casado ou estar em uma união estável e não ter nenhum imóvel em seu nome.
Para que vire lei, o projeto ainda deverá ser votada em decisão terminativa pela CAS (Comissão de Assuntos Sociais), passar pela Câmara dos Deputados e ser sancionada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Caso ao menos nove senadores entrem com um recurso até cinco dias após a aprovação pelo CAS, o projeto terá que passar por votação em Plenário antes de ser enviado à Câmara.
Os recursos do FGTS, no caso, poderão ser usados para pagamento de parte das prestações decorrentes de empréstimo junto ao SFH (Sistema Financeiro de Habitação), liquidação ou amortização de saldo devedor de financiamento imobiliário ou para pagamento total ou parcial de imóvel construído ou lote urbanizado de interesse social não-construído.
De acordo com o propositor da medida, o senador Jarbas Passarinho (PMDB-CE), ela dá mais uma opção para que o trabalhador utilize dos recursos do FGTS, e ressaltou a importância de o filho beneficiado ser casado ou ter uma união estável, já que nestes casos fica clara a necessidade de haver a aquisição de um imóvel próprio.

Caixa pagará correção do FGTS anterior a 1971

Caixa terá R$ 50 bi para financiar casa própria em 2010

Caixa diz que 90% do calote acumulado de R$ 11 bi no FGTS está na Justiça
 
Marcos Antonio (Jornalista on-line) E-mail:  macg.psb@bol.com.br

O mercado de trabalho! Brasil

O jornal Folha de S.P, anunciou o concurso público para seleção de 1400 garis para o RJ, e atraiu 45 candidatos com doutorado, 22 com mestrado, 1026 com nível superior completo e 5.000 que fazem o 3º grau...dos 109.193 inscritos. Mas suas escolaridades não os deixam em vantagens, pois os testes físicos são intensos.
O mercado de trabalho, os coloca a margem da sociedade, tendo que optar por um salário de R$ 486,10 mensais, sem contar os 40% desse salário de bosta, abocanhados pelo governo em tributos "invisíveis"...não é triste?
O governo desde 2003, dá um tal de "auxílio reclusão" num valor hoje de R$ 752,10 apoiado na Portaria nº 48 de 12/2/2009, para dependentes de assassinos, estupradores, entre outros...enquanto que um cidadão com doutorado se joga numa vaga de emprego para ganhar R$ 486,10 para o sustento de sua família. Matando alguém, esse mesmo doutor tem R$ 752,10 para o mesmo fim...
Esse é o nosso país...democrático que declara hipocritamente, que o cidadão se faz pela educação sistemática...aff. Esse País tão maravilhoso mais que infelizmente falta politicos que levem o a sério. A vida do cidadão honesto que me parece complicada além de ter que matar um leão por dia o que não é fácil para sobreviver. Será que temos de roubar ou matar para termos esse miséro sálario R$510,00. Por este e outros motivos que nossos irmãos acabam obrigados a sair do Brasil para encontrar emprego. Que valor de educação podemos passar aos nossos filhos se nós que estudamos tanto não estamos conseguindo uma colocação digna para trabalhar de gari como tantas outras profissões, esse País muitas vezes me envergonha e você sente envergonhado?  essa matéria é só para nos recordar.

Marcos Antonio (Jornalista on-line)

PT, PSDB e DEM querem doações ocultas em campanhas

Uma iniciativa do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para acabar com as chamadas doações ocultas nas campanhas eleitorais colocou do mesmo lado três dos principais partidos do País. PT, PSDB e DEM comandam o lobby para tentar modificar a minuta de resolução do TSE que regulamenta a prestação de contas nas eleições de 2010.

Representantes dos três partidos protocolaram no tribunal, na última quinta-feira, uma petição conjunta para tentar eliminar o veto às doações ocultas - modalidade em que as empresas fazem contribuições aos partidos, e não aos candidatos, o que impede o mapeamento de vínculos entre financiadores e financiados.

PT, PSDB e DEM também pediram a exclusão do parágrafo que prevê a desaprovação das contas de campanha caso o partido ou o candidato receba doações de fontes proibidas - como instituições estrangeiras, igrejas, sindicatos, órgãos do governo e concessionárias de serviços públicos. Se o pedido for atendido, não haverá punição para quem receber doações dessas fontes.

O TSE terá até 5 de março para votar as novas regras. O ministro Arnaldo Versiani, relator da minuta que será votada por seus seis colegas, busca eliminar a brecha na legislação que permite aos partidos repassar recursos aos candidatos sem identificar a fonte. Na prestação de contas do candidato, o dinheiro aparece apenas como "doação partidária".

Centrais sindicais ameaçam fazer greve pela jornada de 40 horas

Em ano eleitoral, as centrais sindicais aumentam a pressão e ameaçam fazer greves em todo o país para forçar a Câmara dos Deputados a aprovar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que reduz a jornada de trabalho de 44 horas para 40 horas semanais. Mesmo correndo o risco de serem derrotados, os empresários continuam irredutíveis e não aceitam negociar a PEC, que tramita na Câmara há 15 anos. Foi nesse cenário de divergências que o presidente da Câmara, Michel Temer (PDMB-SP) realizou, hoje, reuniões separadas com representantes dos trabalhadores e dos empresários para discutir o assunto.



Os trabalhadores cobram uma data para votação da proposta, o que não ficou definida. Os representantes dos trabalhadores dizem que estão dispostos até a negociar uma forma gradativa para reduzir a jornada para 40 horas. Como muitos parlamentares, eles avaliam que, se a proposta for ao plenário, não haverá dificuldades em ser aprovada, já que ninguém quer ter o desgaste político de ficar contra a medida em um ano de eleição. Para as centrais sindicais, pelo menos, 2,5 milhões de empregos devem ser criados com a diminuição da jornada. Os empresários, no entanto, salientam que a proposta e aumenta os custos do setor produtivo, que já são elevados, reduz a competitividade e incentiva ainda mais a informalidade. Ou seja, terá efeito contrário ao desejado.

Na intenção de facilitar um acordo, Temer colocou em debate uma proposta intermediária, que, entretanto, acabou por não agradar nenhum dos lados. A sugestão de Temer, que deve ser levada a uma reunião de líderes de partidos, que ainda não está marcada,prevê a diminuição da jornada de 44 para 42 horas semanais num período de dois anos. A proposta prevê ainda a manutenção do valor adicional pago por hora extra em 50% e a concessão de incentivos fiscais para minimizar possíveis prejuízos às empresas. A indústria avalia, no entanto, que a proposta é complexa e difícil de ser adotada, principalmente, em um ano que o governo federal não quer abrir mão de receitas. Segundo o presidente da Força Sindical, deputado Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), a proposta de Temer será levada para debate nas bases. "Mas acho que temos que continuar brigando pelas 40 horas", frisou Paulinho.

O presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), deputado Armando Monteiro Neto (PTB-PE) já avisou que não aceita. "Não é recomendável que se trate desse assunto em um ano eleitoral", afirmou Monteiro Neto, destacando que a indústria ainda não conseguiu recuperar os empregos perdidos com a crise na economia. "Não se gera emprego por voluntarismo do legislativo." Para o vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Roberto Della Mana, a mudança na jornada vai prejudicar principalmente as pequenas e médias empresas que não têm condições de arcar com custos mais elevados. O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Artur Henrique da Silva, ressaltou que as manifestações na Câmara para pressionar os deputados continuarão depois do carnaval. Além disso, serão iniciadas manifestações nas fábricas. "Aceitamos 40 horas com negociação", afirmou Artur Henrique.

PADRE E FREIRA NO MOTEL

O padre (muito cavalheiro) ofereceu a freira uma carona até o convento,

já que estava tarde e a chuva não demoraria a chegar...No caminho o carro quebrou. Depois de caminharem uma hora embaixo de chuva, avistaram um motel, e o padre sugeriu.

- Irmã, creio que será melhor dormimos aqui neste motel, e amanhã chamaremos o carro do convento para buscarmos. A irmã toda molhada e cansada concordou feliz da vida!!!! Na recepção, foram informados que tinham somente um quarto com uma cama de casal disponível.
O padre olhou para a freira e disse:

- Sem problemas, a Irmã pode dormir na cama, que eu durmo no chão.

E assim fizeram.
No entanto, no meio da madrugada, a irmã acordou o padre dizendo:

- Padre! O senhor esta acordado?
- (O padre bebado de sono) Hein?! Ah, irmã, o que foi?
- Ah... é que eu estou com frio. O senhor pode pegar o cobertor para mim?
- Sim, irmã, pois não!

O padre então se levantou, pegou o cobertor no armário e cobriu a irmã com muita ternura.
Uma hora depois a irmã acorda o padre de novo dizendo:

- Padre! O senhor ainda está acordado?
- ( O padre babando na gola) Ah? Ah,irmã, o que foi agora?
- É que eu ainda estou com frio. O senhor pode pegar outro cobertor para mim?
- Claro irmã pois não !

Mais uma vez o padre se levantou cheio de amor e boa vontade para atender o pedido da irmã.
Outra hora se passou e mais uma vez a irmã chamou pelo padre.

- Padre. O senhor ainda esta acordado?
- (O padre engasgando com o próprio ronco) Ah? Sim irmã, o que foi agora?
- É que eu não estou conseguindo dormir. Ainda estou com muito frio.

Finalmente, entendendo as intenções da irmã, o padre então falou:

- Irmã, só nós dois estamos aqui, certo?
- Certo!
- O que acontecer, ou deixar de acontecer aqui, só nós saberemos e mais ninguém, certo?
- Certo!
- Então tenho uma sugestão: Que tal se a gente fizer que nem marido e mulher?

A freira então pula de alegria na cama e diz:

- Sim! Sim! Vamos fazer que nem marido e mulher!

Daí o padre muda o tom de voz e grita:

- ENTÃO, PORRA! LEVANTA VOCÊ E PEGA A MERDA DO COBERTOR, CARALHO!

Pensou que iria ter um final erótico né?????,
Reze 10 ave-marias e 20 pai-nossos pelos maus pensamentos...


Marcos Antonio (Jornalista on-line)

O Ministério da Saúde alerta ,vírus tipo 1 da dengue

O Ministério da Saúde alerta para a possibilidade de o vírus tipo 1 da dengue tornar-se predominante neste ano no País, o que poderá causar epidemias da doença principalmente entre menores de 15 anos. Segundo a pasta, os Estados de São Paulo, Rio, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Roraima, Tocantins e Piauí são os mais vulneráveis por já enfrentarem a predominância do vírus. "É fundamental que as ações preventivas contra a doença sejam reforçadas", disse o coordenador do Programa Nacional de Controle da Dengue, Giovanini Evelin Coelho. Como não há vacina contra a dengue, a principal ação preventiva é evitar o acúmulo de água limpa, a preferida do Aedes aegypti. Em nota técnica sobre a situação epidemiológica de 2009 divulgada nesta semana, o ministério informou que, no ano passado, o vírus 1 já estava presente em 50% dos isolamento virais - análise feita a partir de amostra do doente - no País. Segundo a pasta, ele poderá substituir o sorotipo 2, predominante desde 2007, e gerar um volume ainda maior de internações hospitalares. Um vírus é considerado predominante quando registrado em 70% dos isolamentos. Há quatro tipos de vírus da dengue, e o ministério reconhece que apenas os tipos 1, 2 e 3 já foram registrados no País. Toda as vezes em que um sorotipo "ocupa" o lugar de outro, podem ocorrer epidemias por causa do grande número de pessoas que nunca tiveram contato com ele, como as crianças. A partir de 2007, por exemplo, a entrada do vírus 2 no lugar do 3 causou, no ano seguinte, uma das piores epidemias já registradas no País. "O monitoramento dos sorotipos circulantes ao longo de 2009 aponta para uma nova mudança do sorotipo predominante (...). A recirculação do Denv-1 (vírus tipo 1 da dengue) alerta para possibilidade de grande circulação do vírus em cada um desses Estados e também nos demais, a partir do momento em que o sorotipo for identificado, em virtude de a população (...) não estar em contato com o mesmo desde o início da década (passada, última vez em que o vírus circulou)", diz o texto. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

tira, tiram, tiram a roupa

Ativistas tiram a roupa para protestar durante o processo eleitoral no país; Ucranianos escolhem novo Presidente neste Domingo.
Já pensou se a moda pega no Brasil! País tropical! eu vou amar e você não?

Marcos Antonio (jornalista on-line)

Imagens do dia - 4/2/2010

Moradores de Itaquera, na zona leste de São Paulo, queimaram ônibus na noite de quarta-feira (3) em protesto contra o desaparecimento de uma senhora de 72 anos e um menino de 11, durante uma enxurrada. Os dois foram arrastados pelas águas da chuva e os bombeiros continuam as buscas na quinta-feira (4).


Marcos Antonio ( Jornalista on-line)

Certidão Eleitoral ELETRÔNICA

Certidão Eleitoral ELETRÔNICA


Você ainda guarda aquelas tirinhas de papel ridículas para comprovar que votou nas últimas eleições?

Afinal de contas sem essa comprovação não dá para tirar Passaporte, CTPS, etc. não é mesmo?

Pois pode jogar todas as suas tirinhas no lixo!

Basta apresentar a Certidão de Quitação Eleitoral que não custa um centavo sequer e que você mesmo imprime em casa.

Basta acessar o site abaixo e preencher com os dados que você encontra no seu Título de Eleitor:


http://www.tse.gov.br/internet/servicos_eleitor/quitacao_blank.htm

Gostou, né?

Então repasse esta dica...


Marcos Antonio (Jornalista on-line)

CIRCUITOS DAS ÁGUAS EM SÃO PAULO

VAMOS TODOS PARTICIPAR!

Visite, de Janeiro a Fevereiro os

CIRCUITOS DAS ÁGUAS EM SÃO PAULO


Título de sócio para os turistas do país é gratis! e para moradores de São Paulo apenas com reajuste do IPTU você e sua família vai desfrutar deste belo AQUASSAB com direito a salva vidas.










Essa merece ser lida, esculacho educadíssimo nos americanos!

Essa merece ser lida, afinal não é todo dia que um brasileiro dá um esculacho educadíssimo nos americanos!

Durante debate em uma universidade, nos Estados Unidos,o ex-governador do DF, ex-ministro da educação e atual senador CRISTÓVAM BUARQUE, foi questionado sobre o que pensava da internacionalização da Amazônia.

O jovem americano introduziu sua pergunta dizendo que esperava a resposta de um Humanista e não de um brasileiro.

Esta foi a resposta do Sr.Cristóvam Buarque:

"De fato, como brasileiro eu simplesmente falaria contra a internacionalização da Amazônia. Por mais que nossos governos não tenham o devido cuidado com esse patrimônio, ele é nosso.
"Como humanista, sentindo o risco da degradação ambiental que sofre a Amazônia, posso imaginar a sua internacionalização, como também de tudo o mais que tem importância para a humanidade.

"Se a Amazônia, sob uma ética humanista, deve ser internacionalizada, internacionalizemos também as reservas de petróleo do mundo inteiro.O petróleo é tão importante para o bem-estar da humanidade quanto a Amazônia para o nosso futuro. Apesar disso, os donos das reservas sentem-se no direito de aumentar ou diminuir a extração de petróleo e subir ou não o seu preço."
"Da mesma forma, o capital financeiro dos países ricos deveria ser internacionalizado. Se a Amazônia é uma reserva para todos os seres humanos, ela não pode ser queimada pela vontade de um dono, ou de um país.
Queimar a Amazônia é tão grave quanto o desemprego provocado pelas decisões arbitrárias dos especuladores globais. Não podemos deixar que as reservas financeiras sirvam para queimar países inteiros na volúpia da especulação.

"Antes mesmo da Amazônia, eu gostaria de ver a internacionalização de todos os grandes museus do mundo. O Louvre não deve pertencer apenas à França.
Cada museu do mundo é guardião das mais belas peças produzidas pelo gênio humano. Não se pode deixar esse patrimônio cultural, como o patrimônio natural Amazônico, seja manipulado e instruído pelo gosto de um proprietário ou de um país. Não faz muito, um milionário japonês,decidiu enterrar com ele, um quadro de um grande mestre. Antes disso, aquele quadro deveria ter sido internacionalizado.

"Durante este encontro, as Nações Unidas estão realizando o Fórum do Milênio, mas alguns presidentes de países tiveram dificuldades em comparecer por constrangimentos na fronteira dos EUA. Por isso, eu acho que Nova York, como sede das Nações Unidas, deve ser internacionalizada. Pelo menos Manhattan deveria pertencer a toda a humanidade. Assim como Paris, Veneza, Roma, Londres, Rio de Janeiro, Brasília, Recife, cada cidade, com sua beleza específica, sua historia do mundo, deveria pertencer ao mundo inteiro.

"Se os EUA querem internacionalizar a Amazônia, pelo risco de deixá-la nas mãos de brasileiros, internacionalizemos todos os arsenais nucleares dos EUA. Até porque eles já demonstraram que são capazes de usar essas armas, provocando uma destruição milhares de vezes maiores do que as lamentáveis queimadas feitas nas florestas do Brasil.

"Defendo a idéia de internacionalizar as reservas florestais do mundo em troca da dívida. Comecemos usando essa dívida para garantir que cada criança do Mundo tenha possibilidade de COMER e de ir à escola.
Internacionalizemos as crianças tratando-as, todas elas, não importando o país onde nasceram, como patrimônio que merece cuidados do mundo inteiro. "Como humanista, aceito defender a internacionalização do mundo.
Mas, enquanto o mundo me tratar como brasileiro, lutarei para que a Amazônia

seja nossa. Só nossa!

DIZEM QUE ESTA MATÉRIA NÃO FOI PUBLICADA, POR RAZÕES ÓBVIAS. AJUDE A

DIVULGÁ-LA, SE POSSÍVEL FAÇA TRADUÇÃO PARA OUTRAS LÍNGUAS QUE DOMINAR

Funcionário morre atropelado em garagem de ônibus em SP


Acidente ocorreu durante manobra no pátio de viação da Zona Sul.
Segundo a Polícia Civil, funcionários pedem medidas de segurança.



Um funcionário da Viação Itaim Paulista (VIP) morreu atropelado na noite desta quarta-feira (3), na garagem da empresa, na Zona Sul de São Paulo, informou a Polícia Civil.
Um homem de 53 anos, controlador de tráfego do período noturno, foi atingido por um ônibus em manobra no pátio da viação, que fica na Estrada do M’Boi Mirim, no Jardim Ângela.
Segundo depoimento de funcionários da empresa, o local é escuro e esse não teria sido o primeiro acidente do tipo. Os funcionários exigem faixas de segurança no pátio e podem realizar um protesto nesta quinta-feira (4).
A ocorrência foi registrada no 100º DP, Jardim Herculano. A empresa não se manifestou sobre o caso.

Panetone


A PF vai periciar um bilhete entregue por jornalista como uma das provas de que o governador José Roberto Arruda tentou suborná-lo

Tudo sobre a redução da jornada de trabalho

O que é jornada de trabalho?

É o período de tempo em que o trabalhador deve prestar serviços ou permanecer à disposição do empregador. Segundo a atual Constituição, este período pode ser de, no máximo, 8 horas diárias ou 44 horas semanais.

Como as horas de trabalho são controladas?

O empregador com mais de 10 funcionários é obrigado a ter cartão-ponto, folha-ponto ou livro-ponto para controle do horário de trabalho. É necessário verificar o acordo coletivo ou Convenção Coletiva de Trabalho de cada categoria. O trabalhador é obrigado a anotar o verdadeiro horário de início e término do trabalho diário, inclusive de seus intervalos.

Qual é a jornada de trabalho hoje?

44 horas semanais. A última redução do período semanal de trabalho ocorrida no País aconteceu na Constituição de 1988, quando a jornada foi reduzida de 48 para 44 horas. Na prática, a média de duração do trabalho já é inferior às 44 horas previstas na Constituição. E muitas empresas brasileiras já trabalham no regime de 40 horas. E na maioria dos casos essa redução foi negociada entre patrões e empregados. Ou seja, com a participação sindical.

Já foi aprovada a jornada de 40 horas?

Ainda não. No dia 30 de junho de 2009, a Comissão Especial da Câmara dos Deputados que analisa a redução aprovou, por unanimidade, o relatório favorável à proposta apresentado pelo deputado Vicentinho (PT-SP) à PEC (Proposta de Emenda Constitucional) 231/95. A proposta também aumenta o valor da hora extra de 50% para 75%. Agora, a PEC deverá ser votada pelo plenário da Câmara. Ela precisará ser votada em dois turnos e ser aprovada por, no mínimo, 308 deputados, para, então, seguir para votação no Senado. O número total de deputados é de 513 deputados. No Senado também serão duas votações no plenário.

Por que a redução é positiva para o País?

A redução visa tornar menos exaustiva a jornada, ampliar o tempo para lazer, qualificação e vida social e também gerar empregos. Ela também evitará muitos acidentes de trabalho, ocasionados pelo cansaço. Segundo o Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) a redução da jornada pode gerar até 2 milhões de postos de trabalho em todo o País.

Desde quando existe a luta pela redução da jornada?

No princípio da Revolução Industrial, ocorrida em meados do século XVIII, praticamente não existia legislação trabalhista. Nesse contexto, a organização dos trabalhadores começou a se estruturar tendo como uma de suas reivindicações a redução do tempo de trabalho. A quantidade de horas diárias e os dias trabalhados por semana estendiam-se ao limite da capacidade humana, chegando a 18 horas diárias. Aos poucos, a organização da classe trabalhadora foi conquistando melhorias nas condições de trabalho e redução da jornada.

Por volta de 1830, começaram a ser introduzidas leis que limitavam o tempo de trabalho. Essa diminuição resultou das lutas que tiveram início na Inglaterra e na França.

Como é a jornada em outros países?

A jornada brasileira é maior que a de países desenvolvidos e até de outros latino-americanos, segundo o Dieese. Na Alemanha, a jornada semanal é de 39 horas; nos Estados Unidos, 40; na França, 38; no Japão, 43; e no Canadá, 31 horas. No Chile, a jornada semanal é de 43 horas e na Argentina, de 39. Nesses países, a jornada foi reduzida nos últimos 20 anos.

Marcos Antonio (Jornalista on-line)

Mansur está solto em Ribeirão Preto

Foto: Nelson Peixoto
Ele quebrou o Mappin, quebrou a Mesbla, quebrou o Crefisul. Deu prejuízos na praça e não pagou os trabalhadores. Seu nome é Ricardo Mansur, hoje próspero dono de usina e destilaria, desfrutando folgada vida burguesa em Ribeirão Preto, acompanhado da bela Roberta, sua atual mulher.


No condomínio, fechadíssimo e exclusivo, onde vive em Ribeirão Preto, paga aluguel de R$ 20 mil, frequenta locais sofisticados, sempre a bordo de seu BMW X6, e enfrenta o tédio no Ipê Golf CLub ou no Tennis Country Club.
Em Paris, costuma hospedar-se no Ritz.

fonte O Estado de S. Paulo.

Parlamentares querem reajuste maior para aposentados

O presidente da Força Sindical, deputado federal Paulo Pereira da Silva (Paulinho), apresentou à Câmara dos Deputados, na quarta-feira (3), uma emenda estabelecendo que o reajuste dos aposentados deve corresponder à inflação do período mais 80% do PIB (Produto Interno Bruto) – e não 50%, como fixa a medida provisória do governo.
A medida provisória (MP) que estabeleceu o reajuste de 6,24% para quem ganha acima do salário mínimo, além das emendas, estão na pauta de votações da Câmara.
Reajuste - O deputado Fernando Coruja (SC), reconduzido à liderança do PPS, também defendeu um reajuste maior para os aposentados. “O PPS ainda discute entre os deputados da bancada quais serão as prioridades (de 2010). Já existem, porém, alguns assuntos de consenso, como o reajuste dos aposentados”, explicou.